quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

CRISTIANISMO EM CRISE

A HISTÓRIA:
Quando lemos há tempos atrás o Livro distribuido pela CPAD "CRISTIANISMO EM CRISE" ficamos estarrecidos com as consistentes revelações nele contido. A partir de então começamos a estudar em diversas fontes a relevância das declarações apresentadas, pois nada se pode dizer sem que as coisas sejam plenamente confirmadas.

A excelencia das provas relativas aos fatos citando o lugar, veículo de divulgação, dia e hora, bem como o autor em evidência são bem claras, pois bem sabemos que nos EUA se algo é indevido, o processo judicial já está estabelecido.

Porquanto, ao escrevermos este artigo naqueles dias, pretendiamos confirmar antes em todas as instâncias, pois há muito tempo ele já estava escrito, só esperando o momento certo para ser divulgado. Desde então como se diz: "Muita água já rolou por debaixo da ponte", onde também neste interím, na França o assunto veio a tona com medidas cautelares, como vemos nos links abaixo:



Toda heresia acarretará sérias perdas na vida espiritual de quem é passivel delas; quando não muito, se a vítima está conciente do erro, a perda será irreparável, pois estará perdendo a salvação de suas almas.

Portanto, tais coisas nos levarão a perda da identidade cristã como bem veremos no artigo a seguir:

A PERDA DA IDENTIDADE CRISTÃ



A priori deste artigo não é provocar celeumas; não é sublevar a cristandade a um confronto sem glória alguma; nem para angariar adeptos, nem inimigos em território alheio.

A missão é conclamar a irmandade cristã nesta ultimas horas da IGREJA DO SENHOR JESUS na terra a ater-se na fé salvífica que é indivisível e imodificável. Cada irmão, cada irmã pode fazer a diferença aonde quer que estejam. A Igreja do Senhor Jesus não é identificada por placas, mas por uma fé inabalável e intransferível no que vive e reina para todo o sempre, e na lisura de sua palavra, fazendo a sua vontade.

Preservar a Identidade Cristã é a verdadeira prioridade. Ter o conhecimento do impróprio e não divulgá-lo, deixando que preciosas almas venham a perder-se é no mínimo um descaso com estas almas as quais o Senhor Jesus derramou o seu sangue puro para remi-las de todo o pecado.

O valor de uma alma excede toda a razão do querer ficar no anonimato temendo perdas pessoais, tendo em vista da catástrofe que será na perda de milhares de outras almas. O Senhor não nos fez seus seguidores, dando-nos a oportunidade da palavra em veículos de comunicações de massa para só mostrar um lado da moeda. É preciso anunciar os dois caminhos; o estreito e o largo para que cada um segundo o seu livre-arbítrio possa escolher o que lhe for favorável.

O Senhor Jesus bem nos diz que quem não é contra nós, é a favor de nós. Que o Senhor não quer que nenhum se perca, mas, que todos venham ao conhecimento da verdade, porque ao conhecermos a verdade, a verdade nos libertaria. 

É neste prisma que estamos divulgando algumas obras literárias que dão enfase a muitos movimentos doutrinários humanos, os quais estão permeando o meio pentecostal, até em denominações em que as suas lideranças não os apoia, mas, os seus seguidores já estão dando ouvidos ao seu cântico e estão mudando de lado dia a dia como veremos no caso abaixo.

UM CASO VERÍDICO
Certo dia em um comércio local, encontrei uma ex-irmã de denominação a qual em meio a inúmeros assuntos fiz-lhe a inevitável pergunta: "Porque ela tendo o embasamento doutrinário bíblico,  havia deixado-nos?" - Resposta resumida: "O que lá onde estou me oferecem, onde eu estava não me ofereciam". - A perspectiva material e a liberdade de usar o que bem lhe agradasse havia lhe seduzido a alma. Não pude contrariá-la, pois estava convicta da sua escolha; porém, ao despedir-nos deixei o intrigante versículo bíblico proferido pelo Senhor Jesus: "Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus."  (Mateus 7 : 21).

Assim como o caso supra-citado, há centenas de milhares de outros casos em todos os lugares do mundo. A fé, a qual o justo deve viver dela para que alcance a vida eterna, está sangrando; está perdendo os seus adeptos, os quais em muitos casos nasceram e viveram nela, mas a estão abandonando, sucumbindo ao apelo da propaganda indevida.

Cristianismo em Crise expõe os casos, identificando os seus propósitos, os seus autores, bem como os seus malefícios. Quem quiser inteirar-se pode o fazê-lo examinando as obras literárias aqui expostas. Que Deus os ajude a entender o que nos convém do que não nos convém. Uma boa Leitura.

                                                  Sinopse do livro Cristianismo em Crise

Um câncer está devorando a Igreja de Cristo. Ele precisa ser extirpado! - HANK HANEGRAAFF
Um câncer está devorando a Igreja de Cristo. Se ele não for extirpado agora, as consequências serão catastróficas. Líderes e mestres influentes estão utilizando o poder da mídia - rádio, televisão, livros e fitas - para torcer a Palavra de Deus e promover doutrinas que só trazem confusão e instabilidade espirutual. Mas esta doença maligna tem cura. CRISTIANISMO EM CRISE não se limita a expor os erros, mas aponta soluções para se restaurar o verdadeiro cristianismo.

Cristianismo em crise - Um câncer está devorando a Igreja de Cristo. Ele precisa ser extirpado! - HANK HANEGRAAFF

http://www.skoob.com.br/livro/14162

Ver o  Livro no link  http://br.librosintinta.in/cristianismo-em-crise-pdf-6.html



Sinopse do livro Evangélicos em Crise
A população evangélica brasileira tem crescido muito. Porém, isso trás preocupações. A igreja está sendo vista como um negócio. Chegam oportunistas e enganadores, e aqueles a quem Cristo chamava de falsos profetas. E os bem intencionados, que são mal preparados, ensinam doutrinas heréticas e destruitivas. Existem muitos ensinamentos errados no que se refere a teologia da prosperidade, curas, milagres, dízimo, guerra espiritual, etc. E as vítimas são os novos convertidos.

Ver o livro no link: http://www.gospelbook.org/2011/02/download-livro-evangelicos-em-crise.html


Sinopse do livro Super Crentes
A Teologia da prosperidade, movimento conhecido também como “confissão positiva” e “palavra da fé”, apregoa que a marca do cristão maduro é a plena saúde física e emocional, e a prosperidade material. O cristão da confissão positiva é “supercrente”, pois acredita que nada o atinge.

Referência internacional no estudo da Teologia da prosperidade, Paulo Romeiro apresenta um retrato fiel e contundente dos exageros e dos deslizes teológicos da confissão positiva. Com coragem, equilíbrio e humildade, desafia os líderes da teologia da prosperidade e abandonarem suas doutrinas pseudobíblicas e retornarem à Verdade.

“Devemos agradecer ao Senhor a equilibrada maneira como Paulo Romeiro desvenda as raízes deste movimento tão popular. Aqui temos uma valiosa contribuição bíblica que provê uma luz clara no espesso nevoeiro criado pela “confissão positiva”.
dr. Russel Shedd



Sinopse do livro Com Vergonha do Evangelho 
No século passado, Charles Spurgeon advertiu que a igreja estava se afastando da pureza do evangelho. Ao invés de proclamar com ousadia as verdades da Escritura, os crentes estavam tornando a Escritura mais aceitável, sendo cuidadosos em não ofender qualquer pessoa.


O resultado disso é que a influência  do cristianismo naquele século foi seriamente enfraquecida.
 Hoje, cem anos depois, John MacArthur está ecoando o mesmo alerta. É uma advertência que a igreja não pode ignorar.
As evidências do comprometimento da igreja estão ao nosso redor. Números têm se tornado mais importante do que a mensagem; as igrejas estão oferecendo uma religião de entretenimento no lugar da pregação do evangelho puro e sem artifícios; os pastores estão recorrendo à indústria de marketing para ajudá-los a atrair pessoas para Cristo, em vez de descansarem no soberano poder de Deus.

Esforçando-se para se tornar aceitável ao mundo, a igreja tem adornado o evangelho com inúmeros elementos, menos com a Verdade.

Neste livro esclarecedor, MacArthur nos desafia a termos coragem de enfrentar esse tipo de mentalidade, que, de maneira tão intensa, está assolando a igreja contemporânea.




 A BÍBLIA SAGRADA O LIVRO DOS LIVROS



Podemos até citar algumas obras literárias as quais nos ajudam a entender a origem de tantas heresias; no entanto, ainda é o Livro dos livros que realmente é o nosso norte, e bússola de fé e prática.

Nada pode suprir a excelência da palavra divina, pois se assim fosse estaríamos sobre a dependência das interpretações humanas e não da revelação divina quando proficuamente buscada.

Sabemos que quem nos justifica é o Senhor, e pela sua palavra somos purificados. No entanto, tudo tem um preço na mostragem do caminho estreito e do caminho largo, onde as afrontas a todo aquele que quer viver sobriamente são tenazes, diretas e indiretas.

Vivemos as ultimas horas da Igreja do Senhor Jesus Cristo sobre a face da terra. E nestes dias a bíblia nos diz que seriam dias trabalhosos, nas buscas dos seus deleites; onde estariam se casando e dando-se em casamento físico material, esquecendo-nos da aliança espiritual.

O mundo passa e a sua concupiscência, mas a palavra do Senhor permanece para sempre. Nada somos além de vasos de barro na espera do cumprimento da sua promessa para nossas vidas; no entanto o que mais interessa é a busca por almas para o Senhor Jesus Cristo.

Por fim, deixamos aos nossos leitores uma palavra divina de acordo com aquilo que buscamos, pensamos e esperamos.

I TIMÓTEO 3:16  Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;
17  Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.

Assim entendemos que o que passar disso é uma mera utopia da falibilidade humana.


Toda a honra e toda a glória sejam dadas ao Senhor Jesus Cristo eternamente.

Amém.