segunda-feira, 4 de agosto de 2014

OS SONHOS NÃO SÃO BÍBLICOS? - SIM OU NÃO?

ATOS DOS APÓSTOLOS 2:16 Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel:

17 E acontecerá nos últimos dias, diz o Senhor, que derramarei do meu Espírito sobre toda a carne; e os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, os vossos mancebos terão visões, os vossos anciãos terão sonhos;

18 e sobre os meus servos e sobre as minhas servas derramarei do meu Espírito naqueles dias, e eles profetizarão.

19 E mostrarei prodígios em cima no céu; e sinais embaixo na terra, sangue, fogo e vapor de fumaça.

20 O sol se converterá em trevas, e a lua em sangue, antes que venha o grande e glorioso dia do Senhor.


PROCURA-SE UMA RAZÃO que possa definir a origem, o destino, e para quê servem tantos sonhos.

Sonhar para muitos é navegar nas profundezas do imaterial estando na inconsciência da mente.

Para outros é divagar no mundo da fantasia, levados por problemas existenciais, barriga cheia ou até mesmo visualizações noturnas e diurnas de coisas não alcançáveis.

Sempre há uma explicação em cada seguimento dos inúmeros pensamentos dos seus pensadores. No entanto, entendemos que os sonhos proveem de quatro fontes resumidamente:

De Deus; do inimigo Dele e nosso, de barriga cheia (vazia) e de distúrbios psicossomáticos. 

A maioria não entende os seus sonhos e nem a mensagem neles contidas, se estes  forem de origem divina.

HÁ SONHOS em que o seu entendimento é direto, e outros que são por figuras onde só o interpretador OS PODE LHES REVELAR.

JÓ 33:23 Se com ele, pois, houver um anjo, um intérprete, um entre mil, para declarar ao homem o que lhe é justo,

24 então terá compaixão dele, e lhe dirá: Livra-o, para que não desça à cova; já achei resgate.

25 Sua carne se reverdecerá mais do que na sua infância; e ele tornará aos dias da sua juventude.

26 Deveras orará a Deus, que lhe será propício, e o fará ver a sua face com júbilo, e restituirá ao homem a sua justiça.

ULTIMAMENTE, cumprindo o professado bíblico no seu tempo e a seu tempo, o Senhor tem dado sonhos a inúmeras pessoas, na maioria dos casos tem exposto o desígnio deles.

JÓ 33:14 Pois Deus fala de um modo, e ainda de outro se o homem não lhe atende.

15 Em sonho ou em visão de noite, quando cai sono profundo sobre os homens, quando adormecem na cama;

16 então abre os ouvidos dos homens, e os atemoriza com avisos,

17 para apartar o homem do seu desígnio, e esconder do homem a soberba;

18 para reter a sua alma da cova, e a sua vida de passar pela espada.

19 Também é castigado na sua cama com dores, e com incessante contenda nos seus ossos;

20 de modo que a sua vida abomina o pão, e a sua alma a comida apetecível (DEPRESSÃO PROFUNDA).

AQUELES QUE DÃO O DEVIDO VALOR AOS SONHOS ESPIRITUAIS, onde o Senhor trás neles a sua mensagem, estes tem alcançado grandes vitórias não só si mesmo, mas também para os seus familiares.

JÓ 33:24 então terá compaixão dele, e lhe dirá: Livra-o, para que não desça à cova; já achei resgate.

25 Sua carne se reverdecerá mais do que na sua infância; e ele tornará aos dias da sua juventude.

26 Deveras orará a Deus, que lhe será propício, e o fará ver a sua face com júbilo, e restituirá ao homem a sua justiça.


27 Cantará diante dos homens, e dirá: Pequei, e perverti o direito, o que de nada me aproveitou.

28 Mas Deus livrou a minha alma de ir para a cova, e a minha vida verá a luz.

ISTO É INCONTESTÁVEL, tendo muitos dos leitores deste artigo já terem alcançado a sua vitória ao dar crédito na sua prescrição.

JÓ 33:29 Eis que tudo isto Deus faz duas e três vezes para com o homem,

30 para reconduzir a sua alma da cova, a fim de que seja iluminado com a luz dos viventes.

SERÁ QUE O LUÍS; o João; o Manoel o Joaquim; a Maria; a Eva; a Tereza; a Pâmela; a (...),  entendem, aceitam e se calam diante da magnitude da onipresença, onipotência e onisciência de Deus e da sua palavra? 

31 Escuta, pois, ó Jó (o João, a Maria, a ...), ouve-me; cala-te, e eu falarei.

32 Se tens alguma coisa que dizer, responde-me; fala, porque desejo justificar-te.

33 Se não, escuta-me tu; cala-te, e ensinar-te-ei a sabedoria.

O temor do Senhor é o princípio da sabedoria (Pv). Uma sabedoria não terrena, animal ou maligna, mas um sabedoria vinda do alto pelas revelações divina:

JÓ 28: 28 E disse ao homem: Eis que O TEMOR DO SENHOR é a SABEDORIA, e o apartar-se do mal é A INTELIGÊNCIA.

O Senhor quer apartar-nos do mal; Ele pelos sonhos nos dá a correção do erro. Se sou inteligente, eu ouço a sua voz e pratico os seus desígnios, pois sabiamente o temo, reconheço, respeito e o reverencio.


Deus quer restaurar os seus sonhos, através dos sonhos de admoestação, incentivo, esperança e confiança:




NO QUE VOCÊ ESTÁ SONHANDO?