segunda-feira, 26 de outubro de 2015

ISRAEL, NÓS, E AS PEDRAS DA RECONSTRUÇÃO

Jerusalém fora destruída; seus muros de defesa estavam ao chão; às portas queimadas a fogo, com o seu templo destruído, a fé perdera a função.

Sem a vida espiritual, e com ela a literal, se foi a unção.

Israel deixou de existir como povo com terra, deixou de existir como nação. Ele agora era escravo, cativo, desterrado e sem comiseração.

O Senhor retirou a Sua mão, e sem Ela cessou a proteção.

Fora necessário, o cativeiro como castigo, a morte e a regressão.

No entanto, havia uma promessa de restauração; haveria remanescentes, e o retorno a terra do coração.

Figura ilustrativa - Todos os méritos ao seu autor.
Os muros teriam que serem reconstruídos; a cidade reerguida, o templo e a adoração.

Israel precisava entender, lamber as feridas, e tirar a lição.

"O boi conhece o seu possuidor, e o jumento a manjedoura do seu dono; mas Israel não tem conhecimento, o meu povo não entende."  (Isaías 1 : 3)

Só o Eterno tem a palavra, os mandamentos e a direção; e sem Ele, Israel não era povo, não tinha promessa, sem presente e sem futuro, um refém do mundo de então.

Os caminhos de volta foram penosos, difíceis, com lideres dispostos a pagar o preço, de deixar o seu conforto, assumir a causa e guiar e reconstituir a nação.

O Senhor levantou Zorobabel para reconstruir a cidade e o templo; Neemias os muros e Esdras o culto e a adoração.

A SAGA CONTINUA
Nós como povo divino, enxertados na videira, não somos diferentes dos idos tempos de Israel como povo, como nação.

Se deixarmos a palavra, nos virarmos pro mundo, perdemos a Sua Mão, e também a unção.

Deixamos de sermos povo, ficamos cativos das vaidades, dos materialismos e da evolução.

O que é sempre foi, e sempre será; a Palavra do Senhor não muda e nunca mudará;  porquanto, os exemplos nos anais da história é um testemunho de luta, derrotas e vitórias.

Só no Senhor, com o Senhor, com Amado Filho, com o Divino Intercessor, seremos libertos, não só chamados, mas no rol dos poucos escolhidos.

Se não entendermos que a porta e que o caminho é estreito, que precisamos ser pacíficos, e em santidade para ser o povo do arrebatamento, da nação separada pro Reino Eterno de geração em geração.

AS PEDRAS DO ENTENDIMENTO
São as pedras da reconstrução.

Se não entendermos A PALAVRA, e a colocarmos em obras, como reconstruiremos o templo e a adoração?

Nós somos o templo, o altar e adoração.

É preciso abrir nossa mente, dar abrigo a palavra e a guardar no coração.

Se não fizermos tudo isso, o sacrifício do Filho Amado e tão querido, teria sido em vão.

"O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; e, visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos."  (Oséias 4 : 6)

"Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus."  (Mateus 22 : 29)

"Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém."  (II Pedro 3 : 18)

PORQUE DEVEMOS ENTENDER PARA COMPREENDER PELA PALAVRA QUE POR SI MESMA NOS FALA:

"Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus."  (Mateus 4 : 4)

"Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;"  (II Timóteo 3 : 16)

TODA A PALAVRA DIVINA É INSPIRADA PRA FAZER O QUE?

"Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra."  (II Timóteo 3 : 17)

Que o Senhor através da sua graciosa e bendita palavra possa dar a cada um de nós o profícuo entendimento no que para tal precisamos mudar as nossas mentes, sacrificar a carne para santificar-nos de:


"ROGO-VOS, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional."  (Romanos 12 : 1)

"E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus."  (Romanos 12 : 2)


"E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso SENHOR Jesus Cristo."  (I Tessalonicenses 5 : 23)

As pedras da reconstrução são as pedras do entendimento pela palavra divina, pois com ela construímos o caminho da nossa fé no único Senhor de nossa salvação.


Amém.