sábado, 9 de julho de 2016

A OLIMPÍADA DOS CÉUS E A TOCHA ESQUECIDA

Figura ilustrativa, do seu autor sejam todos os méritos.

A TOCHA OLÍMPICA E A TOCHA ESQUECIDA


Na manhã de ontem vimos a reportagem da passagem da tocha olímpica, do fogo de Zeus do monte Olimpo.

Pessoas emocionadas até choravam; não tinha idade para tal acontecimento; era do mais novo ao mais idoso (92 anos).

Cada qual queria registrar a sua foto, a sua Self. O brilho nos rostos anunciavam a satisfação daquele evento.

Todos estavam em um só espírito, em uma só razão: "Olimpíadas".

Lembramo-nos de uma outra Tocha que é Viva, provinda do Monte Santo do Senhor; comissionada para vir ao mundo a mando do Pai em nome Filho.

Esta tocha veio para incendiar os corações; ela não estaria nas mãos de um só corredor, mas no Espírito de todo aquele que a recebesse do céu para inflamá-la pelo mundo afora.

Uma tocha que não só simboliza que vem do Monte de Zeus morto, mas uma Tocha que vem do Monte Santo do DEUS VIVO, e trás a Presença Dele.

Uma Tocha que tem Vida Própria, que convence-nos do pecado, e que até dentre às suas inúmeras utilidades intercede por nós com gemidos inexprimíveis. 

Esta Tocha está quase apagada em nossos corações, no nosso espírito; muitos de nós que corríamos por uma imarcescível Coroa de Glória na Olimpíada dos Céus; hoje não a carregamos mais em nossa vida, em  nossos espíritos e no nosso rosto o brilho dela.

Estamos nos embaraçando nos negócios desta vida, e com o pecado que tão de perto nos rodeia; e não estamos mais correndo com paciência a corrida (carreira) da fé.

Não estamos mais olhando para Jesus, que é o nosso alvo, e o autor e consumador de nossa fé.

Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. (Filipenses 3.14)

O Zeus deste século tem nos cegado o entendimento, e a Glória do Senhor Jesus Cristo já não resplandece mais nos nossos rostos; mas sim o brilho do Zeus deste século. Ver artigo no linck abaixo:

http://luisdornelesdeoliveira.blogspot.com.br/2014/11/o-deus-deste-seculo-cegou-o.html


O que estamos escrevendo não é para criticar quem ainda não conhece ao Senhor Jesus Cristo, pois é normal no mundo em que vivemos; mas para lembrar de uma Tocha de uma "Outra Olimpíada" em que o Apóstolo Paulo correu, terminou o combate (corrida), mas guardou a fé.

A Tocha Viva que dantes brilhava nos corredores da Olimpíada da Fé, anseia por estar novamente acesa na pira do nosso coração, para incendiar os espíritos e dar um novo sentido às nossas almas.

Ainda é tempo de negarmos a nós mesmos para poder acendê-la na nossa vida, em nosso coração.


Que esta Tocha Viva possa brilhar para todo o sempre em cada um de nós.

Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, (Filipenses 3.13)